Foz: um dos destinos do mundo para se viver a experiência dos aplausos ao pôr do sol

Uma salva de palmas para o pôr do sol! Isso mesmo. Foz do Iguaçu: cidade famosa pelas Cataratas, que está entre os cinco destinos mais bonitos do mundo, também oferece essa marcante experiência compartilhada por viajantes no pôr do sol: aplausos. E para vivenciar isso, tem endereço certo! Um deles é o Marco das 3 Fronteiras. Por lá, o espetáculo natural é precedido por show cultural, que conta muito sobre a história do Brasil, Argentina e Paraguai. Simplesmente inesquecível.

Confira no artigo:

1-Como funciona a experiência de aplaudir o pôr do sol…
2-Experiência no Marco da Tríplice Fronteira surpreende
3-Um pouco mais sobre a história do marco da tríplice fronteira
4-Alguns outros destinos do Brasil e do mundo em que o sol se põe acompanhado de palmas
5-E mais dicas de lugares para curtir o pôr do sol em Foz

Por do sol Marco tres fronteiras

E vou contar pra você como foi, pra mim, essa experiência vivenciada na Praça do Marco. Aliás, neste artigo, resolvi falar sobre este, em especial, mas também sobre outros vários pontos legais para curtir o pôr do sol em Foz.

Aproveitei a deixa e incluí alguns em outros locais do Brasil e pelo mundo. Afinal, vai que você gosta como eu e resolve incluir a experiência nos roteiros das suas próximas viagens. 

Esses momentos, ainda mais com aplausos, são valorizados por outras pessoas, como eu, ou até mais viajantes do que eu, em diversas partes do mundo.

Apesar de ser algo até “corriqueiro”, a cada novo lugar e novo olhar, tudo muda e você pode ser surpreendido.

É, para mim, algo grandioso e motivo para agradecimento. Como a experiência do mar e praia no réveillon, mas com a vantagem de que acontece em qualquer época do ano, em qualquer cenário paisagístico, como nas lindas montanhas e lago de Foz.

Sou jornalista e sempre gostei de fotografar e me inspirar pra escrever. Fazia isso vendo a lua e o pôr do sol desde cedo. Apesar disso, reconheço que descobri essa modalidade, de aplaudir o sol junto com outras pessoas, há poucos anos, no Vietnã, durante um mochilão pela Ásia.

Fiquei surpresa e encantada e agora, isso se repetiu, na minha viagem por Foz.

Confesso que talvez eu escolha o pôr do sol, porque não sou muito de madrugar a tempo de ver o nascer dele. Com certeza, ambos valem a pena e os aplausos! 

Como funciona a experiência de aplaudir o pôr do sol…

pôr do sol

É bastante emocionante quando você está, no mesmo local e horário, com dezenas ou centenas de pessoas desconhecidas, em busca de um mesmo objetivo. E o melhor: sem combinar nada antes. Cada um de um canto do mundo, seus desejos e histórias em particular.

Todas as vezes eu choro e me emociono, porque penso no que estou sentindo e agradeço. A experiência do pôr do sol tem o poder de me fazer elevar o pensamento, numa emoção compartilhada, mas nunca parecida. É sempre única.

Apesar de reforçar a dica deste lugar, onde o pôr-do-sol merece aplausos e recebe muitas palmas reais praticamente em todo fim de tarde…

…vale lembrar que Foz do Iguaçu é palco de muitos outros lindos cenários para a experiência do pôr do sol.

Pode parecer bobo e até corriqueiro, já que, teoricamente, o sol nasce (e se põe) para todos, diariamente. Mas, para nós, viajantes, o astro rei é mais do que importante, porque ilumina cada novo lugar explorado e nos presenteia com momentos inesquecíveis.

Como falei, é claro que o nascer do sol também é lindo, mas acordar às 5h da manhã, principalmente durante as férias, pode não estar nos planos da maioria das pessoas. Enquanto isso, o pôr do sol costuma influenciar a programação do dia e até o roteiro de uma viagem.

E, por falar em roteiro, vale incluir também o pôr do sol no Lago de Itaipu, em Foz do Iguaçu. E mais: incluir o passeio de barcos kattamaram pelas águas do lago de Itaipu no fim da tarde para ver o pôr do sol. Experiência que pode se revelar um tanto quanto inesquecível, mesmo para os mais viajantes.

Presta atenção nessas valiosas dicas em Foz! 

Isso porque, é claro que o pôr do sol nas Cataratas do Iguaçu não poderia ficar de fora da lista. Apreciada na Tríplice Fronteira e disputada por turistas de vários países, a despedida do sol em uma das maiores quedas d’água do mundo é uma experiência incomparável.

Experiência no Marco da Tríplice Fronteira surpreende

pôr do sol - triplice fronteira

Nessa vontade de admirar a lua e o pôr do sol por onde passo, já pensei logo na tríplice fronteira, ou como chamam, Marco das Três Fronteiras. Mas, confesso que, quando li sobre este ponto turístico, imaginei que seria um tanto importante, por ser um local cheio de história, mas – talvez – sem muita graça turística.

Daqueles locais em que a gente tem que passar, mas anda muito pra tirar uma foto e logo procura algo melhor para fazer. Sabe? Mas, me surpreendi ao me deparar com um lugar diferente e lindíssimo.

Lá tem história, com lindas estátuas de índios feitas de tamanho natural, muita cultura contada por meio de apresentações e uma gastronomia bem diferente. Com barzinhos e restaurantes, além de muretas e pedras usadas para a contemplação da natureza.

E fica tudo ali, junto, numa grande praça ao ar livre, a “Praça do Marco”, como numa das muitas lindas cidades do sul do país, cheia de riquezas. 

Atrações contam a história dos três países

Marco das três fronteiras

Vá para curtir o fim da tarde, podendo estender para a noite, porque dá para desfrutar por horas, com amigos, seu amor ou família. É um passeio para todas as idades mesmo. Eu garanto.

Além de haver, ali, uma das homenagens mais lindas que podemos fazer à vida, que pra mim é aplaudir o pôr do sol e agradecer por mais um dia! Aliás, por lá tem apresentações lindas, emocionantes e especiais antes e depois do pôr do sol. Vale muito a pena se programar para assistir e participar destes momentos.

As tradicionais apresentações culturais do Marco das 3 Fronteiras foram repaginadas e agora são realizadas antes e depois do pôr do sol. Os shows contam a história do local e de seus personagens, no meio daquela natureza e clima gostoso de calor. Elas costumam acontecer em torno das 18h30. As atividades são todas encenadas ao ar livre.

Um pouco mais sobre a história do marco da tríplice fronteira

O “marco de pedra” reúne, realmente, uma viagem de pelo menos 400 anos de história. É o atrativo turístico mais antigo da cidade de Foz do Iguaçu, com o obelisco de pedra que marca as fronteiras sendo construído em 1903. De lá se vê também o marco argentino, no outro lado do rio, feito na mesma data. Já o marco paraguaio, que fica na margem direita do Rio Paraná, foi erguido somente em 1961. 

Os três, igualmente pintados com as cores nacionais, formam um triângulo que fixa o limite territorial e a soberania dos três países. 

No marco das fronteiras, duas praças do complexo turístico se encontram e uma delas é a Praça das Missões. Nela, há uma réplica da fachada de uma missão jesuítica. No período da noite, as luzes se acendem e evidenciam a estrutura inspirada nas reduções jesuíticas.

Agora, aproveita para conferir alguns outros destinos do Brasil e do mundo em que o sol se põe acompanhado de palmas:

  • Arpoador, na Praia de Ipanema, no Rio de Janeiro

A Pedra do Arpoador, há muitos anos, é também palco de espetáculo natural com aplausos. Por lá, o momento em que o sol desaparece no horizonte, costuma ser acompanhado de uma salva de palmas, algo que se pode fazer sozinho ou acompanhado. 

Muitos elegem o lugar como um dos altares da cidade do Rio, elevando ao conceito de “lugar altar”. O sol se põe atrás do Morro Dois Irmãos (ou no mar, dependendo da época). Nesse contexto, o hábito de aplaudir o pôr do sol pode ser visto como um gesto de oração e sociabilidade.

  • Campos do Jordão, em São Paulo 

No frio de algumas épocas do ano, como no mês de julho, por exemplo, se despedir do sol pode não ser uma experiência fácil. Mas, diante do visual oferecido pelo Museu Felícia Leirner, compensa. Por vezes, o cair do sol é acompanhado por uma cerimônia, com danças, malabarismo e poesias.

  • Salar de Uyuni, na Bolívia

A mais de 3.500 metros de altura, do deserto pode se ter duas paisagens diferentes, dependendo da época do ano em que é visitado. Durante as chuvas de dezembro a março, há a chance de encontrá-lo alagado, formando um espelho no céu, reproduzindo um impressionante pôr do sol em dobro.

  • Istambul, na Turquia

A capital cultural da Turquia é a cidade das mesquitas, com muitos lugares para ver o pôr do sol ao fundo, com visuais marcantes, como a Ponte de Gálata, que fica sempre lotada de gente, fotografando ou pescando, com direito a muitas gaivotas para completar o cenário.

  • Chapada Diamantina, na Bahia

O morro do Pai Inácio oferece a mais bela vista panorâmica da Chapada Diamantina, principalmente ao pôr do sol. Mas, a subida difícil vale a pena.

E mais dicas de lugares para curtir o pôr do sol em Foz

Tá preparado? Então confira mais três ótimos lugares para curtir o pôr do sol em Foz do Iguaçu e na Tríplice Fronteira. 

  • Luau Secret Falls

Os turistas iniciam o passeio na trilha da Onça em direção à Trilha das Cachoeiras Secretas. Enquanto se banham nas águas que brotam da cachoeira, é possível admirar um belíssimo pôr do sol em meio a natureza. Mais tarde, ao escurecer, começa o luau com música ao vivo, fogueira, piquenique e dança de roda.

  • Rooftop Bar Alter

Outro lugar incrível para curtir o pôr do sol na fronteira entre Brasil e Argentina é no Rooftop Bar Alter, um terraço que fica dentro do Hotel Gran Meliá Iguazú, com vista para as Cataratas dentro do lado argentino do Parque Nacional.

  • Piscina do Del Rey Quality Hotel

Piscina Delrey noturno

Você também pode curtir o melhor do pôr do sol em Foz do Iguaçu na piscina do Del Rey Quality Hotel, acompanhado de drinks personalizados e localização privilegiada no terraço do hotel. O ponto alto proporciona uma vista deslumbrante do sol se pondo, e sem precisar deixar o conforto do hotel. 

  • Lago de la Republica

Localizado a poucas quadras da zona comercial de Ciudad del Este, o lago é considerado um ponto de encontro da população e muito animado. No seu entorno, com calçadas amplas, muitas pessoas correm e fazem caminhadas. Nas ruas próximas, há opções de restaurantes, bares e sorveterias.

Gente, há muito o que aproveitar! Com calor, natureza e pessoas simpáticas, a experiência tem tudo para ser boa. Sem contar que a cidade é toda planejada e respira turismo. Ela é toda pensada para receber bem o turista que vai para lá apreciá-la. Desde o motorista do Uber, taxista, todos transbordam orgulho ao falar de Foz do Iguaçu.

Os comércios, os receptivos de hotéis, restaurantes, lojas e padarias. Explore o que há de melhor do Brasil e comece por Foz. Você irá perceber que há muita cultura no Brasil e na tríplice fronteira. E que pode se sentir parte de algo muito bom e importante: ser brasileiro e morar em um país lindo, com paraísos pra nenhum gringo botar defeito!

 

Adriana Frasson, jornalista, especialmente para o Del Rey Quality Hotel. Obrigada por tanta hospitalidade e conforto. Cada detalhe ficará na minha memória, começando pelo sorriso do primeiro atendente quando chegamos, o cheirinho do quarto limpo, os bonecos feitos de toalhas diariamente pela camareira e o café da manhã farto.

Se estiver pensando em montar um roteiro para aproveitar uns dias de folga no Verão de Foz, leia este artigo: https://www.hoteldelreyfoz.com.br/blog/6-atracoes-para-voce-aproveitar-as-ferias-de-verao-2022-em-foz-do-iguacu/

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts relacionados